FANDOM


Carlos Leão
Nascimento 12/05/1923-2000
Atividade 1950-1990

Carlos Leão nasceu em 1923 em Pelotas, Rio Grande do Sul. Começou a carreira na Rádio Gaúcha em Pelotas, em 1950. Depois de muda para Porto Alegre e trabalha na Rádio Guaíba, a Rádio Gaúcha tentou trazê-lo de volta, mas a Guaíba dobrou o seu salário, e ele resolveu então ficar na emissora, no qual ficou até 1960, quando à convite do diretor Oduvaldo Vianna vai trabalhar na Rádio Nacional do Rio. Lá fez diversos rádio teatros e rádio novelas, entre eles a rádio novelaCavaleiro da Noite ao lado de Roberto Faisal, o rádio teatro Teatro de Mistério, no episódio O Crime do Inspetor interpretando o Comissário Baptista, de Helio do Soveral. Também foi diretor de Rádioteatro tendo dirigido entre outros alguns episódios de Teatro de Mistério como Onde Está Marisa?, entre outros.

Também chegou a fazer algumas participações na Tv, como na novela A Patota de 1972, e O Sitio do Pica-Pau Amarelo em 1977, ambos na Rede Globo.

Na dublagem Carlos entrou em 1960 na Riosom à convite de Milton Rangel. Em meado dos anos de 1960, vai para São Paulo e começa a trabalhar na Aic. Lá dubla em algumas séries como Jornada nas Estrelas e Perdidos no Espaço, entre outros. Com a saída de muitos colegas para o Rio de Janeiro, o que mostrava que a empresa não ia tão bem assim, Carlos resolve voltar também para o Rio, e lá volta para a Rádio Nacional, e também ingressa na recém formada empresa Tv Cinesom, dos dubladores que saíram da Aic, Hélio Porto e Amaury Costa, e também começa a trabalhar na CineCastro. Carlos também foi tradutor de dublagem, tendo traduzido inúmeros filmes, séries e desenhos.

Na CineCastro sem dúvida foi a empresa de dublagem que Carlos mais trabalhou, fez personagens como Frajola em Pernalonga e Patolino, Rei em A Princesa e o Cavaleiro, entre muitos outros. Por volta de 1972, Carla Civelli, diretora artística da CineCastro como tinha costume de fazer, manda Carlos Leão para dublar alguns personagens em São Paulo, o qual o fez por algum tempo, indo e voltando de São Paulo. Foi aí que fez o personagem Professor Floyd no desenho As Aventuras de Shadow Boy, que também foi bem conhecido na época.

Em participações em filmes na dublagem como um todo, fez alguns trabalhos marcantes como o Tenente Coronel Owen Thursday interpretado por Henry Fonda em Sangue de Herói, Klaatu/Carpenter interpretado por Michael Rennie em O Dia Em Que a Terra Parou, Big Mac interpretado por James Westerfield em Sindicato de Ladrões, entre outros

Em séries fez personagens marcantes, como o Dr. Leonard Gillespie interpretado por Raymond Massey em Dr. Kilmore, Capitão Edward Parmalee interpretado por Philip Carey em Laredo, Steve Douglas interpretado por Fred MacMurray em Meus Filhos e Eu, entre outros.

Com o fim da CineCastro em 1974, Carlos Leão vai para Telecine em 1976 aonde se torna narrador da mesma, intercalando com outros narradores, e também ficando ausente alguns tempo por também se dedica ao Rádio, especialmente a Rádio Nacional. Em 1987, trabalha no rádio teatro Central de Polícia, de Paulo Montenegro na Rádio Nacional, em episódios como Mistérios Sem Solução, entre outros.

Saiu da dublagem no início da década de 1990, 5 anos antes de se aposentar.

Carlos Leão veio a falecer por volta de começo da década de 2000.

Este foi mais um dos grandes profissionais do Rádio e da Dublagem em nosso país.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória